Blogs

O que visitar no Baixo Alentejo

14-09-2022

Se não sabe o que visitar no Baixo Alentejo, deixo aqui uma listinha para conferir alguns dos melhores locais para passar um bom tempo.

  • Moura

A cidade de Moura é uma cidade que foi dominada por árabes, contando então com um passado rico em história. Para a conhecer melhor este incrível local, aconselho visitar:

  • a Ponte Romana;
  • a Galeria Dolménica e anta;
  • o Poço Árabe de Moura;
  • a Igreja Matriz de São João Baptista;
  • o Museu do Azeite;
  • o Castelo de Moura.

  • Mourão

A história desta cidade foi marcada por fatos importantes como a batalha de Mourão, entre portugueses e castelhanos em 1477, durante a Guerra de Sucessão de Castela. Dito isto, alguns dos monumentos que deve visitar são:

  • o Castelo de Mourão;
  • a Igreja Matriz de Nossa Senhora das Candeias;
  • a Igreja de São Francisco;
  • a Igreja da Nossa Senhora da Luz;
  • a Igreja da Misericórdia;
  • o Castelo de Lousã.

  • Reguengos de Monsaraz

A história de Reguengos mistura-se bastante com a de Monsaraz devido a estas terem tido os mesmos limites, acabando por juntar as histórias das duas. Aconselho a visitar:

  • o Observatório Dark Sky Alqueva;
  • o Castelo e as Muralhas de Monsaraz;
  • a Igreja de Santo António;
  • a Capela de Nossa Senhora dos Remédios;
  • as Adegas;
  • a Olaria de São Pedro do Corval;
  • o Observatório do Lago Alqueva;
  • o Cromeleque do Xerez.

  • Portel

Esta cidade desenvolveu-se através do castelo ali existente, tendo vários monumentos para visitar, como:

  • o Castelo de Portel;
  • as Igrejas aqui presentes;
  • os Paços do Concelho;
  • a Barragem do Alqueva;
  • o Miradouro de São Bartolomeu do Outeiro;
  • o Parque da Matriz
  • o Museu da Freguesia;
  • a Albufeira de Alvito;
  • a Amieira Marina.

  • Vidigueira

O concelho da Vidigueira é bastante rico em hortas e pomares, e o facto de estar encostado á Serra do Meandro, já foi apelidado de Sintra do Alentejo. Este concelho não tem muitos monumentos para ver, mas continua a ser um sítio lindo que deve ser visitado. Tal como nos outros locais existem bastantes Igrejas a serem visitadas, e não se esqueça de observar a estátua de Fialho de Almeida, o Menir de Mac Abraão e a Escultura de Homenagem aos Homens e Mulheres do Vinho de Talha.

  • Barrancos

Barrancos foi o resultado de uma transferência de população e poder municipal da antiga vila de Noudar, ao longo desta encontra-se vários monumentos Espalhados pelo concelho, vale ressaltar:

  • o Parque de Natureza;
  • o Castelo;
  • o Moinho da Pipa;
  • a Fonte da Pipa;
  • a Igreja Paroquial;
  • a Torre do Relógio;
  • o Museu Municipal de Arqueologia e Etnografia.

  • Serpa

Esta fica situada no Distrito de Beja, no interior da muralha, sendo o centro histórico um museu a céu aberto. Em 1295 foi ordenado, por Dom Dinis, a construção do castelo e que a cidade fosse cercada por uma grande muralha. Alguns dos sítios que deve visitar quando passar por Serpa são:

  • o Castelo;
  • o Aqueduto;
  • as variadas Igrejas que este tem;
  • as variadas Ermida presentes na cidade;
  • a Muralha;
  • os Museu existentes, com especial atenção do Museu do Relógio;
  • a Torre do Relógio;
  • a Capela de São Roque;
  • a Ponte sobre a ribeira do Enxoé;
  • a Barragem romana do Muro dos Mouros;
  • as Capelas.

E como não podia faltar, visite a Aldeia da Luz, pois esta contem uma história que até faz lembrar Atlântida. Se não sabe, esta aldeia ficou submersa pelas águas do rio Guadiana, quando a barragem do Alqueva ainda estava a ser construída, então os habitantes tiveram a opção de escolha, entre ser realojados nas aldeias vizinhas ou construir uma nova aldeia mantendo as características da aldeia antiga, sendo que os mesmos optaram pela segunda opção, e para que as suas origens não fossem esquecidas, foi criado o Museu da Luz, que recomendamos que visite. Aproveite e passe a fronteira, visite Espanha e vá atestar o depósito que depois desta viagem toda, até compensa.

Tags:

window.dataLayer = window.dataLayer || []; function gtag(){dataLayer.push(arguments);} gtag("js", new Date()); gtag("config", "G-9WVC47NH9R");